quarta-feira, 18 de julho de 2007

...

Trecho ainda não publicado, da vida do personagem Lázaro.
Quer saber mais?
Conheça o projeto Onabru (BLOG)

Feche os olhos. Não trema com o barulho que as pernas apressadas fazem lá fora. Ao meu lado, nada vai te atingir, porque acima de nós existe um Deus. Não fique imaginando que o mundo está pior do que deveria estar. Ele é o que é, nem mais, nem menos. O alvoroço que nos corrompe é o mesmo que nos alegra e motiva para uma nova jornada em meio a feixes de escuridão. Pare de chorar. As alternativas que temos são enfrentar e morrer ou esperar e morrer. Então, deixemos as opções em branco, pois nenhuma nos agrada. Vagarosamente, o silêncio retoma o seu lugar. Eu sei: ele consegue ser mais assustador do que o som dos tiros ou dos gritos. Sabe por quê? Porque eu posso ouvir os meus pensamentos. E isso não é nada bom numa hora como essa.

Conheça a comunidade Onabru (ORKUT)

45 comentários:

Menina do Rio disse...

Tava vendo seu blog com calma agora. Presumo que tu sejas aquele moreno do slide. N�o conhe�o algumas musicas de tua lista mas pelas que eu conhe�o tens bons ouvidos musicais.

Gosto de ouvir meus pensamentos. Tanto que as vezes penso em voz alta. Texto bem apurado. Belissimo!

Boa madrugada!

B. disse...

Putz, me deixaste com "gostinho de quero mais". Espero que o Sabá publique logo a parte do Pedro.

Ah, adorei a publicidade.
Grande Paulo! rs


Bisous.

Girassol disse...

Acho impossível alguém não se prender à vida das personagens lá no Onabru.
Gostei particularmente deste trecho ainda não publicado.
Penso que neste turbilhão que é o nosso dia a dia, raramente conseguimos encontrar o silêncio que nos permita ouvir os nossos próprios pensamentos (o que pode ser uma benção ou uma maldição, dependendo do nosso momento e das ideias que nos percorrem a alma na altura).

Obrigado pelas palavras deixadas no Girassol. =)
Um beijo enorme.

Dhyana disse...

Os budistas dizem que, quando chegamos ao estado de Aceitação Total, do mal e do bem que nos rodeia, ficamos mais pertos da iluminação.
beijos...

Line disse...

mas as vezes os nossos pensamentos sao tudo o que nos temos.

isso me lembrou um negocio q eu li a um tempo... q so ha duas opçoes nessa vida, se resignar ou se indigar. e eu nao vou me resignar nunca.

gostei muito, obrigado pela visita.
que bom q vc gostou do meu poema^^
e eu amo los hermanos! X)
=********

Banheiro Unissex disse...

Viemos pra retribuir a visita, voltaremos mais vezes. Abs

Jana disse...

Lindo trecho, daqueles que te insipiram a ir em frente ...

beijos

Lily disse...

Bom, primeiramente obrigada pelo coment�rio l� no blog!
Foi grande, mas por isso mesmo eu agrade�o!
Foi at� mesmo uma forma de �considera�o� com o q eu escrevi�rs
E eu at� sei q provavelmente adiei o inevit�vel, mas sabe quando voc� simplesmente n�o consegue ser �inteiro� numa coisa q vc est� fazendo?
Seria o caso�
Eu iria at� o fim, mas parte de mim estaria pensando que eu n�o deveria estar fazendo aquilo! Eu, depois, ficaria me sentindo burra ou sei l� o q, entende? Por isso, senti que n�o � a hora.
Acho que, nesse caso, o sexo s� acontecer� ou se a gente tiver junto (o q eu sinceramente acho dif�cil) ou qndo eu s� sentir tes�o por ele e mais nada. Enquanto eu gostar dele de verdade, como eu gosto, e ele tiver com outra, n�o vou conseguir.

Enfim... sobre o seu texto:
Ele caiu perfeitamente para o meu momento! Principalmente este trecho "O alvoro�o que nos corrompe � o mesmo que nos alegra e motiva para uma nova jornada em meio a feixes de escurid�o." e a parte do sil�ncio que torna poss�vel a audi�o dos pensamentos!

Eu sei que tudo isso serve para nos motivar a seguir em frente, mas conciliar motiva�o com os pensamentos q ouvimos no sil�ncio, tem sido meio complicado!

Mas a gente chega l�!

Bjkss

Danie disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Danie disse...

e o silêncio consegue me tirar do sério;

vlws pela visita ao meu blog.
A garotinha aqui ainda tem muito o que aprender com o amor!

beij0s

Amanda_Bia disse...

Isso meio que me consolou! mas ainda entristece. Adorei seu blog! me lembra a mangueira! Verde e Rosa, sabe?!
Bejus!

Elza disse...

Se um trecho está tão bom assim, fico curiosa para ver o resto!!


**

Eu lancei um prêmio em comemoração ao blog day, passa lá no meu blog para saber como é participar!
=]

Cin disse...

Olá Paulo
Vim agradecer a visita e conhecer seu canto.
Mta coisa boa por aqui heim? Gostei do seu estilo de escrever, pois me senti tocada por suas palavras.
Bjos e um lindo dia!

Lavinia Ferreira disse...

Onabru...
Oroda!

Só não conhecia seu blog.

Lavinia Ferreira disse...

Ah, sim...

Meu endereço:
www.calcinhanochuveiro.blogspot.com

Estou dividindo minha casa com mais 3 amigas... mas pode nos visitar quando quiser.
;)

karla disse...

peço desculpa por so agora vir conhecer o teu espaço, mas o meu tempo foge, foge... :)

tens tb 1 belo espaço...

beijinhos

nicah disse...

Adorei esse trecho!

Bom, ficamos muito felizes por voc� ter se identificado com as tres personagens! O engra�ado eh que numa vida a tres, todas tem suas marcas e nenhuma eh igual a outra, sao tres vidas diferentes, numa amizade inocente e sadia.

beijos e obrigada pela visita ;*

Moura ao Luar disse...

I like to listen to myself

Lara disse...

Amigo, acredita que esse pequeno trecho me arrancou lágrimas? POxa, acho que eu poderia ter escrito isso se fosse mais sensível ao expressar o que tenho sentido. Muito, muito lindo esse trecho.
Boa tarde!
Bjus

Rainha de Copas disse...

contrução forte. opinião forte. bom. muito bom. adorei aqui também.

Laura disse...

sem palavras

*-*


qro ver ele na integra XD



bjuus

Pankwood disse...

Boa motivação para os tempos trágicos que estamos vivendo.

Pankwood disse...

Ahh, da uma olhadinha no seu link "Meu Orkut", ta indo pra home em vez do profile.

Abraços

Freyja disse...

Gracias Paulo
por tus lindos saludos en mi blogs de Freyja
saludos desde el ultimo lugar del mundo, estamos relativamente cerca, tienes un gran blog

yo en esto momentos solo estoy con este blog

http://www.freyja.cl/blog/

te dejo una abrazo uiendo la geografia, besitos

besos y sueños

Vagando no Espaço disse...

Muito bom o seu blog! Muito bom mesmo!
Parab�ns!
Excelente!
Comecei a ler e nao parei... rs
Queria comentar todos os posts... Mas o tempo � cruel...

Acabou de ganhar mais um ass�duo leitor!

Abra�o!

Obs: Ah! Obrigado pela visita!
Apare�a l� mais vezes ;)

Olhos de mel disse...

Que belas e certeiras palavras! As opções são realmante inevitáveis. Temos que decidir qual desejamos permanecer.
Feliz dia do amigo!
Bom fim de semana!
Bjs

Felipe Dib disse...

adorei a ultima frase
traduziu tudo
gostei

Ana S. disse...

Oi Paulo.
Gostei desse trecho.
O mundo é como é mas poderia ser bem melhor se todos nós ajudassemos.

P.S- Eu nem sabia que o rei Xerxes era o Rodrigo Santoro. Só descobri depois quando vi a ficha tecnica e ele estava maravilhoso!

Beijos

Aju disse...

Cara vou da uma olhada la no orkut nao sabia mas mto bom =)

Otimo fds

Abraços

Flávia disse...

enfrentar e morrer, esperar e morrer... acho que fico com a primeira opção. Incondicionalmente.

Obrigada pela visita e parabéns pelo texto!

Beijos!

Belle disse...

Estou surpresa. Você acertou em cheio no seu comentário. Sim. Sou personagem em vida. A Criadora é um pouco psicótica demais (ainda bem!) e isso lhe ajuda a ter idéias e criações como a minha vida. Parabéns. Você entendeu a mensagem subliminar.

alexia disse...

Tenho alturas em que temo realmente os meus proprios pensamentos...mas ha que assumir defeitos e não dramatizar...apesar da tentação!

Bjo

Olhos de mel disse...

Olá! Passando pra lhe desejar uma semana cheia de grandes realizações.
Bjs.

O Sentir dos sentidos disse...

Teus textos são sempre de uma verdade e profundidade que nos faz parar, e repensar à vida.
No silêncio perco-me em pensamentos que por muitas vezes nem mesmo sei onde estou.
Muito bom fazer tua leitura.
MUITO BOM MESMO.

Beijo,

Dindy disse...

São verdades, apenas verdades.
Elas não se encontro em nossos pensamentos, mas tb no nosso dia-a-dia.
As pessoas são cruéis e injustas, não o mundo, pois somos nos que o fazemos.
Meus parabéns, pelo belissimo texto. Não é a toa que o admiro.
Fica com Deus.
Beijos...

Bruna disse...

nossa! eu sinceramente amei esse post..
faz tanto sentido p/ mim como se eu tivesse escrito.

Claudia Lis disse...

Oi Paulo,

“Não fique imaginando que o mundo está pior do que deveria estar. Ele é o que é, nem mais, nem menos.”

Realmente, que não façamos tempestades em copos d’água. Nem tudo está perdido, e que tenhamos força e esperança para continuar, mesmo que seja em uma “jornada em meio a feixes de escuridão.”

Seus textos sempre com ótimas idéias e palavras. Adoro passear por aqui.

Beijos

Conceição Bernardino disse...

Olá,
Desculpe a minha ausência, mas o que importa é, que estou de volta.
Continuarei a comentar, é esta a minha maneira de ser:
Oferendo este poema da “FLY” – do blog “Pedaços DÀlma”


Ausência

Quero largueza desta dor
Apartar-me desta saudade,
Libertar-me desta angústia e vencer esta dor
Mas é em vão...
Vão passar-se muitos anos Pai e eu vou sempre chorar a tua ausência.
Sinto a tua falta!
Queria poder sorrir e dizer "hoje vou visitar-te"
E digo-o à mesma, mas não vejo o teu sorriso,
não sinto a tua voz,
não sinto o calor do teu toque,
nem o teu afago ou beijo...
Estou triste.
(...)
Porque teimam as lágrimas em cair ...?
Porque é que hoje o dia está cinzento
E o vento traz brisas negras de saudade?
Porque é que a minha mão continua estendida
E eu não sinto o teu calor?
Não estás...…
Nunca mais vais estar
E eu sinto-me tão só.
Onde estão as tuas palavras, o teu olhar, o teu carinho?
Onde estão?
Longinquamente por aí…
Perdidas entre a minha dor e a saudade…
Continuo aqui, paralisada,
Igual a mim mesma à espera do abandono impossível da solidão..
Preciso, tanto, de um abraço teu!!!

L. Inafuko disse...

não sei se vc participa de correntes e tal

mas te convido a participar

XD

ve no meu blog o q eu escrevi hehe

http://linafuko.wordpress.com

Milene Maciel disse...

Ansiosa por ler ( e escrever também!).

=)

Beijos Paulo!

Thiago Kuerques disse...

me perdi em comentarios aqui
Caramba...
Bom...eu nao farei propaganda do Pan...nao merece
Eu fiz do esporte rs
E porque nao teve reuniao de final de periodo dessa vez?
Ah...e o nosso onabru heim? Vamos tocar o projeto
Abraçao

Cin disse...

Deixou gostinho de quero mais...

Fê Probst disse...

O som dos pensamentos - as vezes - encomodam bastante.

Bárbara P. disse...

Essa enquete é um abuso total! heheheheheheheh

Fugir dos próprios pensamentos impulsiona a indústria das telecomunicações. :cP

Olhos de mel disse...

Passando pra deixar um beijo. Fique com Deus!
Bjs